A “breve” história da aviação

O universo da aviação em algumas linhas

Dirigível da fabricante Zeppelin
Pipas chinesas
Pipas chinesas

A história da aviação se estendeu ao longo de mais de dois mil anos, desde as primeiras formas de aviação, pipas e tentativas de “jumping tower”, para o vôo supersônico, e hipersônico motorizado, jatos mais pesados do que o ar.

Papagaio de papel na China são datados a várias centenas de anos antes de Cristo e lentamente se espalhou pelo mundo. Ele é pensado em ser o exemplo mais antigo de voo artificial realizado pelo homem. Alguns “kites” na China e no Japão foram capazes de transportar um homem no ar. Os antigos chineses também voaram em pequenas lanternas de ar quente e brinquedos de “bambu-helicóptero” com rotores giratórios.

Planador de George Cayley, 1852.

O sonho de vôo de Leonardo da Vinci do século 15 encontrou expressão em vários modelos racionais, mas não científicas, embora ele não tenha tentado construir qualquer um deles.

A descoberta do gás hidrogênio no século 18 levou à invenção do balão de hidrogênio, em quase exatamente o mesmo tempo que os irmãos Montgolfier redescobriram o balão de ar quente e começaram vôos tripulados. Várias teorias da mecânica por físicos durante a mesmo período de tempo, nomeadamente a dinâmica dos fluídos e as leis do movimento de Isaac Newton, levaram à fundação da aerodinâmica moderna, mais notavelmente por Sir George Cayley.

 

 

[Total: 1    Média: 4/5]
Sobre Administrador 29 Artigos
O ponto de encontro da aviação brasileira.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta