França e Reino Unido ganham operações de mais duas companhias low-cost

A concorrência no mercado de aviação comercial europeia só aumenta

3D imagery, 737 MAX, MAX, 737 MAX 7, 737 MAX8, 737 MAX 9

A concorrência no mercado de aviação comercial europeia só aumenta. De um lado, as companhias do Golfo (Etihad, Emirates e Qatar) utilizam o Velho Continente como um hub para suas operações entre Estados Unidos e Oriente Médio. Do outro, estão as companhias de baixo custo ligando a Europa por um preço difícil de ser batido.

 

Flybe-aircraft

E mais duas empresas deste ramo low-cost decidiram desembarcar na França e Reino Unido, a fim de esquentar ainda mais esta complexa concorrência. A partir do dia 30 de outubro, a Flybe passa a operar diariamente a partir de Rose City, nos Estados Unidos, para Manchester e Birmingham, na Inglaterra, com tarifas a partir de €39.

Por outro lado, a Ryanair passa a opera entre as cidades de Tolouse, na França, e Stansted, no Reino Unido, já a partir do dia 01 de novembro. Este será a primeiro de sete voos regulares que a Ryanair planeja operar com saídas de Tolouse, para cidades como Madrid, Bruxelas, Berlin, Fez, Malta e Varsóvia.

 

[Total: 1    Média: 5/5]
Sobre Gustavo Nagahama 108 Artigos
Piloto comercial de aeronaves e piloto coordenador de voos no grupo Alfa Uno.
Contato: Facebook

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta